Índice que reajusta aluguéis fecha o ano com alta de 23,1%

Alta foi puxada pelas taxas de variação das commodities

O IGP-M desacelerou em dezembro, registrando avanço de 0,96%, depois de variar 3,28% em novembro

O Índice Geral de Preços – Mercado (IGP-M) desacelerou em dezembro, registrando alta de 0,96%, depois de variar 3,28% em novembro. De janeiro a dezembro de 2020, o índice, que é usado como base para o reajuste dos contratos de aluguel, acumulou alta de 23,14%. Em dezembro do ano passado, a taxa foi de 2,09% e a alta acumulada nos 12 meses de 2019 ficou em 7,3%.

Os dados foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (FGV Ibre). O coordenador dos índices de preços do instituto, André Braz, destaca que a desaceleração ocorreu por causa da diminuição da pressão inflacionária no índice ao produtor por estágios de processamento, que cedeu em dezembro.

“As matérias-primas brutas caíram 0,74% em dezembro. As principais contribuições para este movimento partiram das commodities: soja (11,91% para -8,93%), bovinos (7,4% para -0,58%) e milho (21,85% para -2,17%). Os preços da soja e do milho seguem em alta em bolsas internacionais e tal movimento pode limitar a magnitude das quedas nas próximas apurações”, detalha.

Índices
O principal componentes do IPG-M, o Índice de Preços ao Produtor Amplo também desacelerou, registrando variação de 0,9% em dezembro, abaixo dos 4,26% de novembro. No ano, a taxa acumulou alta de 31,63%. O Índice de Preços ao Consumidor (IPC) avançou 1,21% em dezembro, depois de subir 0,72% em novembro, acumulando alta de 4,81% em 2020. Último componente do IGP-M, o Índice Nacional de Custo da Construção variou 0,88% em dezembro, ante 1,29% em novembro. No acumulado do ano, o INCC fechou com alta de 8,66%.

Com Agência Brasil

Últimas Notícias

Maioria do STF vota para manter decisão que considerou Moro parcial

Supremo também definiu que cabe à Justiça Federal do DF julgar os processos contra Lula

BC aprova obrigatoriedade dos bancos ofertarem Pix por agendamento

Instituições também ganharam mais prazo para o Pix Cobrança

Pandemia impulsiona transformações no modelo de negócios do varejo

Pesquisa global da PwC revela uma clara aceitação da sustentabilidade

Brasil formaliza redução das emissões de carbono até 2030

País se comprometeu a eliminar o desmatamento no mesmo período

Relacionados